ITAJAÍ - NAVEGANTES - LUÍS ALVES - PENHA - BALN. PIÇARRAS - ILHOTA

Notícias

28

nov/2016

Temer no poder: e eu com isso

Prepare-se para um pacote de maldades sem precedentes para os trabalhadores: jornadas de trabalho que lembram os períodos de escravidão e desvalorização do salário são apenas alguns exemplos do que está por vir

 

Imagine-se agora vivendo no Brasil do trabalho escravo, da exploração de mão de obra, das exaustivas jornadas de trabalho sem direitos, nem mesmo de reclamar. Pois saiba que este retorno ao passado está muito mais próximo do que poderíamos supor.

 

Seguro desemprego, valorização do salário mínimo, jornada de trabalho de 40 horas são apenas alguns dos direitos dos trabalhadores ameaçados pela proposta de Michel Temer. Entre as maldades previstas está a regulamentação de uma emenda (EMC 81/14) que trata do trabalho escravo. Ela retira os conceitos de jornada exaustiva e de trabalho degradante das penalidades previstas no Código Penal. O trabalhador poderá até mesmo ser impedido de fazer valer os seus direitos que vierem a sobrar, já que outras duas propostas que tramitam na Câmara impedem o empregado demitido de reclamar por seus direitos na Justiça do Trabalho.

 

Juliana Claudio (Mtb:02789/SC)

<<voltar

Enviando formulário.

O servidor encontrou um erro.

E-mail Cadastrado

®2015. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Sindicato do Empregados no Comércio de Itajaí